Câmara Municipal Fortaleza

Eleição na Câmara: Elpídio segue como preferido enquanto Walter Cavalcante ganha força; Capitão Wagner vai presidir a primeira sessão do ano

Eleição na Câmara: Elpídio segue como preferido enquanto Walter Cavalcante ganha força; Capitão Wagner vai presidir a primeira sessão do ano. Montagem: Kézya Diniz

Depois da eleição para a presidência da Assembleia Legislativa, no início da semana, as forças políticas do Ceará voltam as atenções para a disputa pela presidência da Câmara de vereadores de Fortaleza. Mas há menos de um mês para a disputa, lideranças ainda buscam consenso entre os nomes dos que aparecem como candidatos.

Leia aqui:
Por unanimidade, Zezinho Albuquerque é eleito presidente da Assembleia Legislativa

Sete
Nos bastidores sete vereadores articulam para chegar à presidência da Camara municipal de Fortaleza, o atual presidente Acrísio Sena, do PT; os vereadores Walter Cavalcante e Vitor Valim, do PMDB; Elpídio Nogueira e Salmito Filho, do PSB; José do Carmo do PSL; e Wellington Saboya do PSC.

Elpídio
Hoje, o mais cotado é Elpídio Nogueira. O vereador admite que está articulando a candidatura e propõe uma chapa de consenso nos mesmos moldes da eleição da Assembleia Legislativa que garantiu a eleição do deputado José Albuquerque por unanimidade.

Walter
O discurso é o mesmo de um outro nome que vem ganhando força nos bastidores, o vereador Walter Cavalcante. Ele defende que a disputa deve ficar só nos bastidores. “Na próxima semana esse nome deve sair e, a exemplo do que aconteceu na Assembleia, vamos ter um nome de reúna todas as condições de apoio de todos os vereadores”, disse o parlamentar.

Capitão Wagner
Segundo o regimento do Legislativo municipal, a sessão será presidida pelo vereador que conquistou o maior número de votos da eleição de outubro, no caso, o vereador do PR, capital Wagner.

Data e Hora
A eleição para a presidência da Câmara Municipal de Fortaleza está marcada para o dia 1º de janeiro de 2013, às 17 horas, logo após a posse dos 43 vereadores eleitos para a composição da Câmara nos próximos quatro anos.


Curtir: