Eleições 2012

Eleições 2012: Justiça Eleitoral mantém PTC na coligação de Roberto Cláudio

O PTC municipal queria, desde o início, manter coligação com o PSB de Roberto Cláudio, mas uma intervenção nacional havia levado a legenda para o PT de Elmano de Freitas. Na foto, Ciro Gomes (PSB) e Marcelo Mendes (PTC) trocam “animado” cumprimento. Foto: Kézya Diniz/ Via Instagram

O Tribunal Regional Eleitoral decidiu manter a decisão da convenção do PTC, assinada pelo presidente do diretório municipal, o vereador Ciro Albuquerque, que firma aliança na coligação do candidato do PSB à prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio.

A legenda figurava, ao mesmo tempo, nas coligações de Roberto Cláudio e de Elmano de Freitas, do PT, no pedido de registro de candidatura encaminhado ao TRE. Assim, as duas coligações foram impugnadas.

Lá e cá
Segundo o TRE, a impugnação diz respeito as coligações e não as candidaturas de Elmano de Freitas, do PT e de Roberto Cláudio, do PSB. Além do PTC, o PTdoB também aparece nas duas composições.

Partidos
A coligação “Para cuidar das pessoas” foi informada com a seguinte composição: PT / PTN / PSC / PR / PTC/ PV / PT do B.

Já a  coligação “Para renovar Fortaleza” teve esta composição: PRB / PP / PTB / PMDB / PSL / PSDC / PHS / PMN / PTC / PSB / PRP / PSD / PT do B.

Acompanhe a decisão do TRE:

“Diante do exposto, julgo IMPROCEDENTES as impugnações intentadas pelo Ministério Público Eleitoral e pela Comissão Interventora Municipal do Partido Trabalhista Cristão, em todos os seus termos e, em arremate, DEFIRO o pedido de registro de candidatura coletivo do Partido Trabalhista Cristão – PTC para o cargo de Vereador do Município de FORTALEZA.

Registre-se. Publique-se. Intime-se.

FORTALEZA, 20 de Julho de 2012″.

Impugnações
A zona eleitoral responsável pelo registro de candidaturas, em Fortaleza, recebeu 33 pedidos de impugnação de registro de candidatos e coligações, entre elas as coligações de Roberto Cláudio e Elmano de Freitas.

Prazos e alterações
A Justiça Eleitoral tem até o dia 5 de agosto para julgar todos os processos. Os candidatos podem recorrer da decisão e o TRE terá até 23 de agosto para apreciação dos recursos. Os partidos políticos ainda podem mudar a composição das chapas para a disputa majoritária e substituir candidatos a prefeito e vice-prefeito. O detalhe é que essa possibilidade está garantida até a véspera da eleição.


Curtir: