Ceará Eleições 2014

Eliane Novais considera que morte de Campos terá impactos na eleição do Ceará

Eliane Novais considera que morte de Campos terá impactos na eleição do Ceará
Eliane Novais considera que morte de Campos terá impactos na eleição do Ceará. Foto: Arquivo/|Divulgação

A candidata ao governo do Ceará pelo PSB, Eliane Novais, fez um balanço sobre o peso da morte do ex-governador Eduardo Campos (PSB) na corrida eleitoral pela Presidência e pelo governo do Estado. Ela falou sobre o assunto após encontro na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), na segunda-feira (18). Essa foi a primeira vez que a deputada comentou o assunto depois do acidente na última quarta-feira.

Efeito Marina
Eliane considera que o “efeito Marina” será diferente nos dois cenários, pois, segundo ressaltou, muda todo o cenário eleitoral. Regionalmente, a deputada acredita que Marina Silva deve chegar “mais forte”, conquistando parte do eleitorado indeciso, o que poderá alavancar sua candidatura ao governo estadual.

“Acredito que Marina Silva será muito forte, não só em todo Brasil, mas também no Ceará. Nós vamos receber Marina de braços abertos e esse novo fato vai impulsionar nossa candidatura e nos levar até o segundo turno”, disse.

Vice
Marina Silva deve ser oficializada como candidata do PSB à Presidência na quarta-feira (20). Entretanto, o impasse agora é a escolha do vice da coligação. Lideranças do partido cogitam a viúva de Eduardo Campos, Renata Campos.

Alianças
Durante a entrevista, Eliane ainda afirmou que Marina assumirá as alianças regionais e afastou desgaste sobre o assunto. Para a parlamentar, Renata Campos, embora possa ter um papel forte, descartará sair como vice à Presidência da República. “Dona Renata deve nesse momento se recolher para cuidar dos seus filhos e manter seu núcleo familiar e não ser vice”, salientou.

Campanha
Questionada sobre sua campanha, Eliane considerou que há um sentimento de renovação política por parte da população e, portanto, seu trabalho é uma alternativa para esta fatia do eleitorado. “Há uma esperança muito grande do povo do Ceará com a nossa candidatura, da verdadeira mudança, a verdadeira alternativa para mudar o Ceará”, destacou.

Com informações do OE


Curtir: