Fortaleza

Em entrevista, Roberto Cláudio aponta saúde como maior desafio da gestão de Fortaleza

Em entrevista, Roberto Cláudio aponta saúde como maior desafio da gestão de Fortaleza. Foto: Nayana Melo/OE
Em entrevista, Roberto Cláudio aponta saúde como maior desafio da gestão de Fortaleza. Foto: Nayana Melo/OE

A Prefeitura de Fortaleza, na gerência do prefeito Roberto Cláudio (Pros), trabalha para dar conta de cumprir com todas as promessas realizadas em campanha. Apesar de grandes obras de impacto na área de mobilidade urbana já terem sido entregues e que devem contribuir para diminuir o gargalo dos congestionamentos na Capital, como o túnel da Avenida Santos Dumont, bem como o polêmico viaduto da Avenida Engenheiro Santana Júnior com Antônio Sales, que ainda segue em fase de finalização, Roberto Cláudio apontou ser ainda a sua maior preocupação em sua gestão, a área da saúde.

Questionado, RC fez um balanço técnico de seu segundo ano de governo. Com a grande quantidade de obras a serem entregues em 2015, será neste ano, provavelmente, que Roberto Cláudio deixará impressa em Fortaleza a marca de sua gestão.

Saúde
De acordo com Roberto Cláudio, os 82 postos de saúde reformados e mais um que foi construído no bairro Montese, além das Unidades de Pronto Atendimento, estão, segundo o prefeito, de certa forma, aliviando a saúde primária e o setor de urgência e emergência. Contudo, mostrou-se preocupado com a fila de espera de muitos fortalezenses na área de marcação de exames e consultas. “O paciente sofre muito ainda três a quatro meses, às vezes, um ano, para ser visto por especialistas e fazer exames como ultrassom e ultrassonografias”, disse.

O prefeito salientou que a primeira Policlínica de Fortaleza, que será construída no bairro Jóquei Clube, em parceria com o governo estadual, na gestão de Camilo Santana (PT), deverá minimizar a problemática.

Mobilidade urbana
Na questão de obras viárias, Roberto Cláudio prestou conta de que, em 2015, devem começar, de janeiro até junho, novos canteiros de obras em Fortaleza, com as intervenções na duplicação da Av. Augusto dos Anjos, o elevado da Av. José Bastos com Fernandes Távora, os dois elevados da Dedé Brasil sobre a Osório de Paiva e Godofredo Maciel. A curto prazo, ressaltou a finalização em janeiro do túnel na Engenheiro Santana Júnior com Padre Antônio Tomás, os túneis da Via Expressa, com Alberto Sá e Padre Antônio Tomás como, também, do elevado da Raul Barbosa sobre a Murilo Borges.

Abril
Em abril, o prefeito assegurou que iniciará a requalificação e reordenamento do espaço viário da Avenida Aguanambi, que iniciará do centro da Cidade, até a rotatória da BR- 116, retirando os sinais. Entre os serviços, ainda estão a reurbanização das vias com a padronização das calçadas, a implantação de ciclovias, arborização, instalação de estações de ônibus junto ao canteiro central, além de drenagem e pavimentação. O objetivo da requalificação é, principalmente, a redução do tempo de viagem. Por dia, trafegam 58 mil veículos na via, além de 34 linhas de ônibus.

Educação
Na área da educação, o prefeito de Fortaleza afirmou que mais de 100 creches ainda deveram ser entregues até o final de 2016. O calendário consta, ainda, até o final deste ano, a implantação de 29 escolas de tempo integral.

Habitação
Já na habitação, Roberto Cláudio deu conta de que, atualmente, em parceria com o governo do Estado, estão prestes a serem iniciadas a construção de 30 mil unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida. “À medida que a gente vai entregando as obras, gera-se um sentimento duplo nas pessoas: o primeiro de reconhecimento, o outro é de mais cobranças para que estes mesmos equipamento sejam implantados em seus bairros”, disse Roberto Cláudio, verbalizando ainda que: “Se a gente perder tempo conversando demais, perdendo tempo com briga política, as coisas não acontecem. Temos que correr para dar tempo para cumprir o que prometeu durante a campanha, quatro anos voam”.

Com informações do OE


Curtir: