Ceará

Em mobilização nacional, médicos reivindicarão investimentos para saúde pública

Em mobilização nacional, médicos reivindicarão investimentos para saúde pública
Em mobilização nacional, médicos reivindicarão investimentos para saúde pública

Em protesto contra as recentes medidas do governo na área de saúde pública, médicos brasileiros decidiram realizar uma mobilização nacional na próxima quarta-feira (3). A decisão foi apoiada por lideranças médicas nacionais e estaduais.

Reivindicação
As principais reivindicações são: aplicação do exame de revalidação dos diplomas médicos, o Revalida; melhoria da qualidade de Saúde do SUS; concurso público; melhores condições de trabalho; carreira de Estado; e 10% do PIB para a saúde.

Cuba
O presidente do Sindicatos dos Médicos do Estado do Ceará, José Maria Pontes, é contra a vinda de médicos de Cuba para preencher os vazios existentes no interior, principalmente no Nordeste.

“O governo federal está querendo trazer médicos de outros países para atuarem no Brasil, mas nós somos contra, porque o problema da saúde pública brasileira não é pela falta de médicos e sim de políticas públicas”, diz Pontes ao ser questionado sobre o assunto. Ele ainda sugere a carreira de estado para médicos e investimentos na saúde pública para solucionar os problemas.


Curtir: