Ceará Eleições 2014

Em sabatina com médicos, Eunício promete concurso público para 12 mil vagas

Em sabatina com médicos, Eunício promete concurso público para 12 mil vagas. Foto: Divulgação
Em sabatina com médicos, Eunício promete concurso público para 12 mil vagas. Foto: Divulgação

Durante sabatina realizada na noite desta terça-feira (09) por três entidades médicas cearenses – o Sindicato dos Médicos do Estado do Ceará (Simec), o Conselho Regional de Medicina (Cremec) e a Associação Médica Cearense (AMC) – no auditório da Unimed Fortaleza, o candidato Eunício Oliveira (PMDB) ouviu as principais demandas da categoria, recebeu um documento com cinco propostas e prometeu realizar concurso público para 12 mil médicos.

Demandas
Carência de médicos, filas de espera para cirurgias e melhores condições de trabalho, foram algumas das reclamações feitas pela categoria. Segundo Eunício, as queixas dos médicos em relação à atual situação da saúde pública, não são diferentes das demandas ouvidas por ele no Interior do Ceará. “É extremamente doloroso o que tenho ouvido. Em Maranguape, uma senhora, com suspeita de câncer, espera há um ano para ser atendida”, lamentou.

No documento entregue pela categoria os médicos pedem: concurso público imediato, piso salarial da Federação Nacional dos Médicos (Fenam), atualização do Plano de Cargos e Carreiras da categoria, nomeação de médicos para o cargo de diretor técnico dos hospitais e escolha do diretor clínico dos hospitais através de eleição pelo corpo clínico.

Saúde
O peemedebista afirmou ainda que, atualmente, dos nove estados do Nordeste a saúde do Ceará só não é pior do que a Paraíba, um dado, segundo analisa, preocupante e que merece atenção. “Não se resolve o problema porque falta gestão. Em Acaraú, um hospital de 70 leitos, construído há quatro anos, não funciona”, exemplificou.

Com informações da Assessoria


Curtir: