Nacional

Entidades criticam contratação de médicos estrangeiros para trabalhar no Brasil

Entidades criticam contratação de médicos estrangeiros para trabalhar no Brasil
Entidades criticam contratação de médicos estrangeiros para trabalhar no Brasil

Em resposta ao pronunciamento feito na sexta-feira (21) pela presidente Dilma Rousseff, diversas entidades ligadas à categoria de médicos do país divulgaram neste sábado (22) nota onde criticam a intenção do governo em trazer médicos estrangeiros para atender a regiões carentes desses profissionais, localizadas no interior do país.

Na pele
Na carta, dirigida à população brasileira, as entidades lembram que a presidente foi “vítima de grave problema de saúde”, e que fez tratamentos em “centros de excelência do país e sob a supervisão de homens e mulheres capacitados em escolas médicas brasileiras”. E acrescenta: “O povo quer acesso ao mesmo [tipo de tratamento] e não quer ser tratado como cidadão de segunda categoria, tratado por médicos com formação duvidosa e em instalações precárias”.

Imediato
Durante o pronunciamento, a presidente disse que, entre as medidas estudadas pelo governo, está a de “trazer de imediato milhares de médicos do exterior para ampliar o atendimento do SUS [Sistema Único de Saúde]”.

Entidades
Assinada pelas associações Médica Brasileira (AMB), Nacional de Médicos Residentes (ANMR), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam), a carta diz que as entidades usarão “todos os mecanismos possíveis para barrar a decisão, inclusive na Justiça”.

Vergonha
Segundo as entidades, a “importação” de médicos simboliza uma “vergonha nacional”. De acordo com as entidades, a medida submeteria a parcela mais vulnerável da população “à ação de pessoas cujos conhecimentos e competências não foram devidamente comprovados”, escondendo “os reais problemas” que afetam o Sistema Único de Saúde (SUS).

Decepção
Contatado pela Agência Brasil, o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Roberto d’Ávila, se disse decepcionado com o anúncio feito pela presidenta. “Ela tinha prometido, em audiência que tivemos, que não tomaria qualquer medida sem antes conversar com as entidades, e que instituiria, antes, um GT [grupo de trabalho] para discutir assunto”, disse o médico.

Com informações da Agência Brasil


Curtir:


One thought on “Entidades criticam contratação de médicos estrangeiros para trabalhar no Brasil

  1. sinto muito mais o brasil esta muito deficiente de médicos em geral se o povo paga, pode contratar, vai acabar com a banca de muito médicos brasileiro,que atende os doentes como deve atender , nos hospitais publicos, o povo não aguenta mais a falta do amor a profissão dos médicos brasileiros esta com muita banca ,

Comments are closed.