Ceará

Eunício confirma: Vai disputar a sucessão de Cid Gomes em 2014

Em 2010, na reeleição de Cid Gomes, o governador e Eunício Oliveira trocam juras de apoio. Agora, Eunício diz que é o “candidato natural” à sucessão do governador do Ceará. Foto: Iana Soares, em 01/07/2010

Após reunião da Executiva Nacional do PMDB, na terça-feira (20), o senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) disse que vai disputar o governo do Ceará em 2014 por ser o “candidato natural” no Estado. “O PT não tem um nome para lançar. O PSB, com o Cid Gomes, não pode ser reeleito e não há um outro nome do partido em vista”, afirmou.

Estados
O presidente do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), disse que a expectativa da sigla é lançar 20 candidatos aos governos estaduais nas eleições de 2014 – além do “maior número possível” de deputados e senadores.

Presidência
Raupp anunciou ainda, que o partido vai lançar candidato próprio à Presidência da República em 2018. Em reunião da executiva nacional da sigla, Raupp afirmou que “não há mais tempo” para se preparar um nome para 2014 – mas que em 2018 haverá um peemedebista candidato ao Palácio do Planalto.

“Não creio que dê tempo de preparar candidato à Presidência para 2014. Mas para 2018, precisamos começar a pensar agora. Em 2018 o PMDB terá candidato próprio”, afirmou.

Temer segue na vice
Raupp conversou com o presidente licenciado da sigla, Michel Temer (PMDB), que se comprometeu a ajudar na escolha de um nome do partido para 2018. Nas eleições de 2014, o partido vai manter a dobradinha com a presidente Dilma Rousseff na sua disputa à releeição – com a indicação de Temer para permanecer na chapa à vice-presidência da República.

Com informações da Folha.com


Comentários: