Ceará

Fatiado: Período letivo na rede estadual inicia em janeiro para uns e em maio para outros

Seduc divulga calendário fatiado: Volta perído letivo de 2012 começa dia 30 de janeiro, mas alguns alunos só voltam às salas em 7 de maio

A secretaria de Educação do Estado divulgou um calendário fracionado para o processo de matrícula e de volta  às aulas. Por conta das greves do ano passado, o período letivo de 2011 ainda não terminou e o de 2012 vai começar em datas diferentes. Em alguns casos, grupos de estudantes só iniciam o novo período escolar no dia 7 de maio, mais de três meses depois dos alunos que tem a volta às salas de aula marcada para 30 de janeiro.

Entre janeiro e maio
O ano letivo  de 2012 será iniciado em datas diferentes, com meses de distância, seguindo a divisão de grupos. Assim, alguns alunos voltam às salas de aula no dia 30 de janeiro, outros em 05 de março. Em outros casos, os estudantes iniciam o período escolar no dia 02 de abril e por último, em 07 de maio.

Leia mais:
Professores da rede pública estadual decidem entrar em greve por tempo indeterminado
Professores voltam as aulas após 63 dias de greve    

Vídeo mostra violência contra professores na Assembleia Legislativa    
Veja as imagens da confusão entre polícia e professores na Assembleia Legislativa    

Divisão por grupos
Para facilitar a Matrícula, as escolas foram organizadas em grupos, de acordo com o tempo que permaneceram em greve no ano passado. O 1º Grupo é composto pelos Colégios da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e Justiniano de Serpa, onde não houve paralisação. Os estudantes novatos serão atendidos até 27 de janeiro.

Etapas
Para os grupos 2 (25 escolas), 3 (18 escolas) e 4 (120 escolas), o processo de matrícula, constituído de quatro etapas, começou na segunda-feira (23) com a confirmação dos alunos veteranos que segue até 03 de fevereiro. O remanejamento interno terá atendimento até 07 de fevereiro, voltado aos alunos que precisam mudar de escola dentro da própria rede estadual.

Na terceira etapa, de 13 a 24 de fevereiro, haverá remanejamento externo, quando a rede estadual matricula alunos das redes municipais de ensino de forma a atender a toda a demanda de vagas. A quarta e última fase, de 27 de fevereiro a 04 de maio, é dedicada à matrícula dos novatos, período em que são recebidos estudantes oriundos da rede particular ou de outro Estado.

Documentos
Por ocasião da matrícula dos novatos, os responsáveis devem levar a cópia da certidão de nascimento e a transferência ou declaração de escolaridade, além de uma pasta escolar e duas fotos 3×4. A ausência de qualquer um desses documentos, no entanto, não impedirá o atendimento, pois o importante é assegurar o ingresso do jovem na escola. Os interessados deverão procurar a unidade de ensino de sua preferência para mais informações.

Início das Aulas
O ano letivo terá início no dia 30 de janeiro para as escolas do 1º grupo, no dia 05 de março para o 2º Grupo, no dia 02 de abril para o 3º Grupo e no dia 07 de maio para o 4º grupo. As aulas deverão seguir durante 200 dias letivos, conforme divulgou a Seduc.

Interior
No interior, até o final do mês de janeiro, acontece o processo de matrícula 2012. O ano letivo começa no próximo dia 30 na maioria das escolas, exceto em algumas unidades de ensino das Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação(Credes) de Maracanaú, Russas, Iguatu e Juazeiro do Norte, devido a um período de greve prolongado.

Assista à reportagem exibida no Jornal Jangadeiro:

Com informações da Assessoria de Imprensa da Seduc

One thought on “Fatiado: Período letivo na rede estadual inicia em janeiro para uns e em maio para outros

  1. O resultado da greve dos professores prejudicou a própria categoria, pois para quê lutavam, nada foi resolvido. A última assembléia dos professores foi uma piada, com por volta de 55 ônibus vindo do interior com professores a custo da APEOC, que pode defender direitos, mas não do professor.

    Os alunos foram prejudicados por estarem com o cronograma fora de ritmo em comparação com as escolas particulares, mas quem continuará trabalhando feito um condenado e sem respeito será o professor.

Comments are closed.