Nacional

Governo de Minas obtém liminar que proíbe qualquer protesto durante a Copa das Confederações

Antonio Anastasia é o governador de Minas Gerais
Antonio Anastasia é o governador de Minas Gerais

A pedido do governador de Minas, Antonio Anastasia (PSDB), um desembargador do Tribunal de Justiça de Minas concedeu liminar proibindo qualquer manifestação que atrapalhe o trânsito e impeça o acesso a serviços públicos durante a Copa das Confederações.

Efeito
O efeito da liminar vale para as 853 cidades mineiras e não só para as vias de acesso ao estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, onde serão disputados jogos da competição.

Multa
Caso a medida seja descumprida, o magistrado estipulou multa diária de R$ 500 mil contra o Sindicato dos Servidores da Polícia Civil (Sindpol), o Sindicato Único dos Trabalhadores na Educação (Sind-UTE) e qualquer outra entidade de classe do estado.

Ameaça
O pedido do governo estadual foi protocolado na Justiça logo após a divulgação de informações de que professores e policiais iriam fechar ruas e avenidas próximas ao Mineirão, além de fazer outros atos de protesto durante a competição.

Antes
Em 2011, o governo Anastasia enfrentou uma greve de professores que durou 112 dias, a maior paralisação da História do estado.

Com informações do O Globo


Curtir: