Articulação, Ceará
Atualizado em: 08/09/2011 - 11:39 am

Da Redação do Jangadeiro Online

Servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) se reuniram, em assembleia, na manhã desta quinta-feira (8), para avaliar os resultados da reunião de negociação com o Governo do Estado na última quarta-feira (6).

De acordo com a categoria, houve quebra de acordo e retrocesso nas negociações, pois o Governo não apresentou uma proposta concreta, como havia sido acordado entre os servidores e a Secretaria do Planejamento (Seplag) na reunião do dia 17 de agosto.

Empecilho jurídico
Segundo Eliane Uchôa, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Área de Trânsito do Ceará (Sindetran), o Governo do Estado não apresentou a proposta, afirmando haver um empecilho jurídico, que prevê Plano de Cargos e Carreiras somente para servidores que possuem cargos.

Por conta disso, os representantes do Governo pediram um novo prazo até o dia 15 de novembro, para que possam discutir o caso com a Procuradoria Geral de Justiça do Estado (PGE). A categoria, no entanto, acredita que esse período é muito extenso.

Novo prazo
Diante disso, os servidores decidiram que vão propôr um novo prazo para que o Governo apresente uma proposta de negociação. A data sugerida será o dia 3 de outubro. “Um mês é mais do que suficiente”, justificou a presidente do Sindetran, Eliane Uchôa.

Mobilização continua
Os servidores do Detran entraram em greve no dia 12 de julho, mas já suspenderam a paralisação desde o dia 21 de julho. Apesar disso, os trabalhadores continuam a mobilização. A categoria reivindica a reestruturação do Plano de Cargos e Carreira e melhores salários.

Leia mais:
Servidores do Detran suspendem a greve até o dia 6 de setembro

Com informações do Sindetran

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me