Ceará

Ivo Gomes retorna à AL e chama atenção para falta de saneamento no Ceará

Ivo Gomes retorna à AL e chama atenção para falta de saneamento no Ceará. Foto: Máximo Moura
Ivo Gomes retorna à AL e chama atenção para falta de saneamento no Ceará. Foto: Máximo Moura

O deputado Ivo Gomes (Pros) retomou as atividades parlamentares nesta terça-feira (04/08) e relatou, durante o primeiro expediente da sessão plenária, atividades da Secretaria das Cidades do Ceará na gestão dele. Segundo o parlamentar, nos sete meses de “muito trabalho” à frente da pasta, ações importantes foram realizadas e outras continuam em andamento. Como exemplo, citou a Lei da Reforma Administrativa.

Ivo Gomes destacou também a mudança na organização da própria Secretaria, dando mais clareza e especificidade as suas coordenadorias.

Saneamento
De acordo com o deputado, houve renovação nas diretorias da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) e do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O parlamentar adiantou ainda que projetos de lei deverão dar entrada na Casa, sendo um instituindo o sistema estadual de água e esgoto, regulamentando a prestação de serviço e dando clareza sobre obrigação dos prestadores e usuários.

“Fizemos um levantamento para saber quanto o Ceará precisaria para construir redes coletoras e, pelos nossos cálculos, serão necessários R$ 12 bilhões para obras de saneamento”, disse. De acordo com Ivo Gomes, a rede coletora é ociosa. “Muitas casas não têm seus canos ligados com a rede coletora e acabam jogando sua água usada no subsolo, cometendo crime ambiental. Nosso problema de esgoto é muito mais grave do que pensamos”, assinalou.

Abastecimento
Ivo Gomes ressaltou também a conclusão do processo de concessão do sistema de abastecimento de água e esgoto de três municípios com a Cagece, que estava pendente, possibilitando que a empresa volte a investir em Itapipoca, Milagres e Caucaia. O deputado citou ainda a obra do reservatório de água “Taquarão”, que garantirá o abastecimento de água em abundância para Fortaleza pelos próximos 30 anos.

Regularização
Ivo Gomes informou que um projeto deverá chegar á Assembleia, com o objetivo de regularizar a situação de pessoas que já residem em casas na área urbana há muitos anos, mas não possuem o documento de posse, a exemplo do que foi feito no interior. Citou também as obras de urbanização do Maranguapinho.

 


Curtir: