Nacional

José Dirceu arma seu “bunker” para o julgamento do mensalão

Ex-ministro da Casa Civil contratou jornalistas e advogados e tem investido na articulação de apoios, informa Istoé

A revista IstoÉ que chegou às bancas de todo o país neste final de semana mostra como o ex-ministro José Dirceu está se preparando para o julgamento do Mensalão, previsto para o mês de agosto, pelo Supremo Tribunal Federal. Segundo a reportagem, desde maio, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu prepara um arsenal pesado para atravessar o que chama de “um dos momentos mais críticos” de sua trajetória política.

Leia ainda:
Julgamento do mensalão começará em 1º de agosto

Bunker
Para não ser condenado a até 12 anos de prisão, e acabar alijado definitivamente da vida pública, o homem que um dia presidiu o PT e foi o principal ministro do governo Lula montou um bunker de assessores e advogados, investiu na contratação de uma empresa especializada em redes sociais, passou a articular manifestações de apoio com sindicalistas, intelectuais e artistas e se reaproximou de organizações estudantis.

Linha de frente
Quem comanda a defesa de Dirceu é José Luiz Oliveira Lima, dono de um escritório com 11 advogados, localizado no 32º andar do prestigiado Edifício 50, na Avenida São Luiz, em São Paulo. Aos 45 anos, Juca, como gosta de ser chamado, especializou-se em Direito Penal, especialmente em delitos tributários. Já defendeu o banqueiro Daniel Dantas, acusado de lavagem de dinheiro e crime financeiro. Também teve entre seus clientes famosos o ex-banqueiro italiano Salvatore Cacciola. Embora esteja ao lado de Dirceu desde 2005, Juca pretende, com a iminência do julgamento, intensificar seu trabalho.

Pra todo lado
Para espalhar essas ideias da defesa pelo País, José Dirceu age em várias frentes. A frente de comunicação foi reforçada com a contratação do jornalista Luiz Fernando Rila, que se licenciou da empresa FSB para assessorar exclusivamente o ex-ministro durante o julgamento do mensalão. Desde o fim do último mês, Rila tem feito a “ponte” de José Dirceu com a imprensa. Ao seu lado, trabalha Edmilson Machado, afastado da empresa Máquina da Notícia para dedicar-se a Dirceu. Os dois unem-se a Aristeu Moreira, responsável há dois anos pelo blog do ex-ministro.

Com informações da IstoÉ


Curtir: