Ceará

Justiça determina novo afastamento de prefeito de Senador Pompeu, preso desde o final de junho

O juiz da comarca de Senador Pompeu, Fernando de Souza Vicente, determinou nesta terça-feira (16) novo afastamento do prefeito Antônio Teixeira de Oliveira , do PT, por improbidade administrativa.

Esse  é o segundo pedido de afastamento feito contra o prefeito, que está preso desde o dia 29 de junho, a pedido do Tribunal de Justiça, acusado de fraudes em licitações e desvio de recursos, junto com outros 29 envolvidos. Dessa vez, o afastamento foi determinado por infrações na esfera administrativa, conforme soliticação do Ministério Público. A medida também vale para o vice-prefeito, Luis Flávio Mendes Carvalho (PT).

Pedido de impeachment
A Câmara Municipal de Senador Pompeu deve votar, às 19 horas desta terça-feira (16), pedido de impeachment do prefeito afastado. A votação aconteceria na semana passada, mas a sessão do último dia 9 terminou em tumulto, mas o presidente da Câmara do Município, vereador Chico Pinheiro, também do PT, suspendeu o processo de leitura do requerimento que pedia a instalação da Comissão Processante.

Leia mais:
Impeachment de prefeito de Senador Pompeu pode ser votado nesta terça
Senador Pompeu: Sessão para decidir futuro de prefeito afastado termina em tumulto
Mobilização pede impeachment do prefeito afastado de Senador Pompeu
Prefeito de Nova Russas é denunciado por desvio de recursos


Curtir:


2 thoughts on “Justiça determina novo afastamento de prefeito de Senador Pompeu, preso desde o final de junho

  1. injustiça! só porque ele trabalhou para o povo estão fazendo isso. se até quem matou está livre, por que é que ele que está sendo apenas acusado, ainda está preso?

  2. nA MINHA OPINIÃO SERIA UMA LEVIANDADE A CASSAÇÃO DO MANDATO DO PREFEITO NA cÂMARA MUNICPAL, jJá que o poder judiciário ainda não disse se o mesmo é culpado ou inocente!

Comments are closed.