Ceará

Justiça Eleitoral define estratégias para chamar o eleitor de Caucaia

Corregedora Regional, desembargadora Nailde Pinheiro, em visita ao município. Foto: TRE

A corregedora regional eleitoral, desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira, reuniu-se, nesta terça-feira (02) no Fórum Eleitoral de Caucaia, com o presidente da revisão biométrica do município,Francisco Marcello Alves Nobre, juiz da 123ª Zona Eleitoral, e servidores do TRE para traçar novas medidas com o objetivo de elevar os índices do recadastramento biométrico obrigatório no município, que possui o segundo maior eleitorado do Ceará.

Atualmente, mesmo com esforços da Justiça Eleitoral, pouca tem sido a procura pela revisão eleitoral.

Na reunião, o juiz Marcello Nobre relatou o andamento das medidas de descentralização do atendimento e estratégias de divulgação da biometria. Ele disse que um veículo do TRE com servidor dos Cartórios Eleitorais iniciará nesta quarta-feira (03) visitas às comunidades, escolas, postos de saúde e outras entidades de Caucaia para sensibilização e apoio na propagação da campanha de recadastramento biométrico. O magistrado sugeriu a utilização da estrutura dos Cartórios Eleitorais para instalação de mais kits biométricos e atendimento do eleitor agendado.

Reforço
A desembargadora Nailde Pinheiro anunciou a chegada de mais 9 funcionários terceirizados que poderão atender aos eleitores na estrutura dos Cartórios Eleitorais. Foi levantada a possibilidade de outros postos de atendimento em locais mais afastados, mas essa alternativa ainda está em análise. “Provavelmente, em razão dessas mudanças e com a intensificação das ações de divulgação, o eleitores busquem atendimento. Vamos continuar atentos à questão de Caucaia e, sempre que for necessário, voltaremos”, reiterou a desembargadora.

Estrutura
O Fórum Eleitoral de Caucaia possui 15 kits biométricos, que permitem o atendimento de até 600 eleitores por dia. Mas o comparecimento tem sido de apenas 200 eleitores diariamente. Atualmente, 15 terceirizados contratados pelo TRE e 30 estagiários do Programa Primeiro Passo, cedidos através de convênio do Tribunal com o Governo do Estado, auxiliam os trabalhos de biometria em Caucaia.

Eleitorado e metas
Todos os eleitores de Caucaia são obrigados a se submeter à revisão eleitoral com coleta dos dados biométricos até 28 de fevereiro de 2018, mas o comparecimento tem sido muito aquém da capacidade de atendimento da Justiça Eleitoral. Até agora, apenas 33 mil (15%) dos 215.667 eleitores de Caucaia fizeram o recadastramento. A meta do TRE é recadastrar 75% do eleitorado em todo o estado até as eleições de 2018. Hoje, estão cadastrados com biometria 2.432.297 (38,3%), de 6.347.178 eleitores do Ceará. O agendamento pode ser feito através do telefone 148 ou no site do tribunal.

Com informações do TRE


Curtir: