Ceará

Policiais militares e bombeiros iniciam campanha salarial

Uma manifestação realizada por policiais militares e bombeiros nesta terça-feira (8), na Assembleia Legislativa, marcou o inicio da campanha salarial (2012/2014) e a retomada do processo iniciado em 2010. Os militares começaram  mobilização com uma audiência nas comissões técnicas da AL e depois seguiram em caminhada com faixas de protesto até as galerias do plenário 13 de maio.

De acordo com o Deputado Estadual Capitão Wagner (PR), a campanha salarial de 2010 foi suspensa a pedido do governador Cid Gomes que alegou, na época, não ter condições de dar o reajuste soliciatado por conta da proximidade com o período eleitoral. “O problema é que até hoje, mais de um ano depois da eleição, nenhuma proposta de reajuste foi apresentada aos profissionais de segurança pública pelo governador”, disse o deputado.

Os policiais, impedidos por leis de fazer greve e muitas vezes acionados para conter as mobilizações, contam com apoio de várias entidades organizadas para garantir o movimento. É o caso da Associação das Esposas dos Militares. Segundo a presidente da associação, Nina Carvalho, o intuito do apoio da associação não é prejudicar a sociedade, e sim, chamar atenção do governo para que as demandas sejam atendidas.

Tabela proposta
Os militares procuraram a ajuda de um economista para elaborar uma tabela com propostas de reajustes progressivos até 2014. O documento vai ser encaminhado ao Governo do Estado nesta quarta-feira (9). A categoria espera receber uma resposta do Estado para garantir a retomada do canal de negociações até o próximo dia 26 de novembro, quando vão realizar uma assembleia geral para definir os rumos da mobilização

Exemplos
Pela proposta, um soldado que atualmente ganha certa de R$1.606,01 receberia em 2014 quase 4 mil. Já um coronel, que hoje recebe R$7.600 passaria a receber um pouco mais de 13 mil.

Veja a matéria exibida no Jornal Jangadeiro:

Leia mais:
Policiais e Bombeiros militares divulgam campanha salarial na AL
Cid bate boca com policiais após inauguração de delegacia no Eusébio
Policias civis podem retomar a greve na próxima terça-feira
Policiais civis do interior aderem à greve


Curtir:


7 thoughts on “Policiais militares e bombeiros iniciam campanha salarial

  1. não vai dar e nada pois o cid não vai dar nada pois ele não prestigia a pm, eu tenho certeza que os policiais preferia andar de fusca e ganhar um salario digno de que hilux. mudando de assunto ou politico para falar besteira o caromano marques dizer que o dinheiro não e importante, imaginou se tirarem o salario dele para ver se o vil moeda como disse ele não fara falta. demagogo.

  2. Irmãos de farda já era sem tempo do geito que a coisa anda sem manifestações, sem choro não há mama, gosteida iniciativa temos que concentrar esforços para que nos escutem. Agora vos digo temos que esr drasticos se quisermos alcansar nossos objetivos.

  3. O Dep. Cap. Wagner está de parabéns pela luta em favor de sua classe “os militares” classe esta que sempre esteve esquecida por todos, sem direito a greve nem sindicato, os PM’S ganham baixos salarios e acumulam varias funções, se não vejamos, quando ha greve na policia civil quem vem pra ‘tapar o buraco’? quando ha greve dos agentes penitenciarios quem vai ‘ tapar o buraco’? … sempre ha o acumulo de serviço para os pm’s, porém quando se fala em salario da até vergonha, tomara que o nobre deputado consigua ser ouvido e atendido pelo governador.

  4. Não entendo porque a lei não permite que os policiais militares façam greve e reinvindiquem melhorias salariais, pois os profissionais de saúde que lidam diretamente com a vida pode. Isso só nega nosso direito de exercer a cidadania.

  5. Meus companheiros,vamos pensar no presente,o futuro a DEUS pertence,como é q vocês falam em 2014,queremos sabermos é em proposta de aumento para o próximo ano e não para os anos seguintes,qual a tabela de aumento para 2012,qual é a previsão q teremos,no Rio Grande do Norte os policiais de lá já estão em melhor situação do q a nossa,vamos pensar no hoje amanhã não sabemos nem se amanhecemos vivos, desculpe-me é apenas um desabafo,sgt pm Sobrinho.

  6. o profissional de segurança pública tem que ser respeitado,somos profissionais,merecemos respeito,nossos familiares merecem respeito.defendemos nossa bandeirs com amor.PARABENS CAP VAGNER SOUZA

  7. Ultimamente passei assistir TV ASSEMBLÈIA,graças a tecnologia e assim todos que tem interesse em seus representantes na assembléia podemos observar que a máquina gira em torno da bancada do governo,nada se é aprovado a favor do povo ou de uma classe.O que vejo são placas de cidadãos como a que o deputado Antonio carlos forneceu a BETO BARBOSA de cidadão cearense e outras banalidades sen efeito algum ou sem nenhuma matéria que possa favorecer a população ou classe trabalhadora.O 13º está para acabar ,pois os empresários estão com representantes ou tem alguém lá no senado para fazer o serviço.Estou cheio já dessas demagogias ou enrolação,pois o que eu ouço muito o senhor Antnio Carlos dizer é que o govrenador investe no pessoal fazendo concurso público,eu digo isto não é pessoal é social senhor deputado.Pessoal é:investir em saúde que está ruim com este projeto novo do ISSEC,é investir no financeiro pois sem salário não se tem diversão ou vida agente sobrevive.Investir no pessoal é focar os recursos públicos no funcionalismo e na auto estima ,pois tudo acontece automaticamente.

Comments are closed.