Ceará, Denúncia
Atualizado em: 02/08/2011 - 9:46 am

Da Redação do Jangadeiro Online

O Ministério Público ouve, nesta terça-feira (2), quatro servidores do Tribunal de Contas do Estado (TCE) sobre o escândalo envolvendo a construção dos banheiros fantasmas no município de Pindoretama, no Litoral Leste do Ceará. Os depoimentos serão colhidos na sede da Procuradoria de Justiça dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), em Fortaleza.

Serão ouvidos Antônio Carlos Gomes, Francisco Cléber de Medeiros, Antonísia Barreto Menezes e Thiago Barreto Mezenes. Esses dois últimos, segundo o MP, residem no mesmo endereço, o que leva a concluir que mantenham algum grau de parentesco, possivelmente de marido e mulher. Renata Pinheiro também deveria ser ouvida nesta terça-feira, mas o MP não conseguiu notificá-la.

A oitiva dos servidores do TCE será realizada pelos promotores Eloilson Ladim (assessor da Procap) e Luiz Alcântara e pelo procurador e coordenador da Procap, Benon Linhares. Os depoimentos começam a ser colhidos a partir das 10 horas da manhã. Durante toda a semana, outras pessoas também serão ouvidas sobre o caso. A lista completa com os nomes, no entanto, ainda não foi divulgada.

Leia mais:
Governo do Ceará financia esquema milionário de banheiros fantasmas
Moradores de Pindoretama protestam contra possível fraude 
Secretaria das Cidades também financiou banheiros fantasmas em Ipu 
Vídeo: Denúncias de fraudes na construção de kits sanitários em 5 cidades  

Vídeo: Governo do Ceará pagou R$ 400 mil para construção de banheiros que não saíram do papel    

Com informações da Procap

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me