Nacional
Atualizado em: 08/09/2011 - 10:50 am

O Banco Central abrirá mão de R$ 18,6 bilhões para que os bancos Econômico, Banorte, Mercantil e Nacional, que quebraram nos anos 1990, quitem suas dívidas. A informação é do jornal O Estado de S.Paulo.

Essas instituições estão inscritas no Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento do Sistema Financeiro Nacional (Proer).

Muitos bilhões
Em dezembro de 2010, a dívida dos bancos, que estão em liquidação, somava R$ 61,705 bilhões. Com os descontos proporcionados pelo Refis da Crise, eles podem quitar os débitos por R$ 43,048 bilhões. Os bancos, no entanto, discordam dos valores. Eles argumentam que a Lei do Refis garante abatimento de R$ 25,186 bilhões.

Governo
O procurador-geral do BC, Isaac Sidney, diz que as contas feitas pelo governo impedem perda de R$ 6,529 bilhões para os cofres públicos. Segundo ele, “o BC não está fazendo acordo com os bancos, mas apenas aplicando a lei”.

Com o Congresso em Foco

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me