Ceará

Novo secretário de Segurança diz que Wagner não é inimigo

Na AL, Capitão Wagner diz que planeja abrir diálogo com futuro governo. Foto: OE
Na AL, Capitão Wagner diz que planeja abrir diálogo com futuro governo. Foto: OE

O recém-empossado secretário de Segurança Pública, Delci Teixeira, afirma que o deputado estadual Capitão Wagner (PR) não é “inimigo” de sua gestão e será “bem-vindo” para dialogar e trazer propostas para o setor. Após liderar uma greve da Polícia Militar, em 2012, Wagner tornou-se adversário político do grupo ligado aos Ferreira Gomes.

De lá para cá, foi alvo de diversas acusações e Wagner chegou a ser citado por Ciro Gomes, irmão do ex-governador do Estado, como o “chefe de uma milícia” que agiria no Ceará em parceria com o narcotráfico.

Oposição
Em 2014, Wagner foi eleito o deputado estadual mais bem votado do Ceará e desde então vem articulando o grupo de oposição ao governo Camilo Santana para quando assumir o mandato na Assembleia Legislativa.

“Independente de ele [Wagner]ser de oposição, temos de respeitá-lo. Primeiro, porque é um capitão da PM, então deve conhecer segurança pública. Segundo, porque teve uma votação expressiva, então é aprovado pela sociedade”, disse Delci à imprensa, reconhecendo o espaço do deputado eleito.

Diálogo
A fala do secretário abre a perspectiva de diálogo da categoria com o Governo, em que segundo os policiais, foi cortado desde a greve. “Não sou político, nunca vou ser. Sou técnico. Se ele tiver algo a somar, a agregar, será bem-vindo”, reverberou o novo secretário de Segurança.

Reciprocidade
Logo após a fala do secretário, o vereador e deputado eleito, Capitão Wagner, utilizou sua página oficial no Facebook para responder ao secretário. O parlamentar ressaltou que, após o governador Camilo Santana (PT) ter anunciado que o novo titular da Pasta era o delegado federal Delci Teixeira, a priori, buscou ratificar quanto à capacidade de diálogo, conforme foi anunciado pelo próprio governador. “Ficamos extremamente felizes quando um dos requisitos da escolha foi justamente a possibilidade de se construir esse diálogo, que é benéfico para a sociedade, Governo e Polícia Militar”, disse Wagner na postagem.

“A recíproca é verdadeira, Delci Teixeira, ambos temos como objetivo o combate à criminalidade e, consequentemente o bem-estar social do nosso povo”, concluiu.

Com informações do OE


Curtir: