Eleições 2014

PMDB confirma Eunício para o governo; Tasso guarda anúncio para segunda-feira

PMDB confirma Eunício para o governo; Tasso guarda anúncio para segunda-feira
PMDB confirma Eunício para o governo; Tasso guarda anúncio para segunda-feira

O PMDB realizou neste domingo (29) sua convenção estadual. O evento foi marcado de muitas expectativas desde que foi ventilado o nome do ex-senador Tasso Jereissati ao Senado, que ainda não confirma sua candidatura, alegando aguardar definições nacionais. A convenção deste domingo confirmou o nome do senador Eunício Oliveira ao governo do Ceará, tendo o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR) como vice.

Eunício chegou ao evento dirigindo o próprio carro e acompanhado de Tasso (no banco de passageiro), o presidente do PSDB, Luiz Pontes, e o vice-presidente do DEM, Chiquinho Feitosa. Tasso permaneceu no palanque ao lado de Eunício, e também discursou.

“Bolso do colete”
Os discursos foram marcados por críticas ao atual governo, inclusive com o senador Eunício Oliveira afirmando que o povo cearense não irá aceitar um candidato tirado do “bolso do colete”, em referência a indicação do deputado estadual Camilo Santana (PT) à sucessão do governador Cid Gomes (Pros).

Só amanhã
Tasso, porém, confirmou aliança entre PMDB e PSDB, mas evitou falar explicitamente de sua candidatura e afirmou que a decisão será oficializada nesta segunda-feira (30), durante convenção na sede do PSDB, às 15horas.

Aliados de Cid
Lideranças ligadas ao governador Cid Gomes estiveram presentes a convenção peemedebistas, inclusive recebendo agradecimento “caloroso” do peemedebista.

Coligação
Fazem parte do arco de aliança do PMDB, além do PSDB e PR, Democratas, PRP, PSC, PTN, PPS E PSDC.

Sem intrigas
Em entrevista, Eunício disse que a aliança com o PSDB não significa uma “traição” ao ex-presidente Lula, ou mesmo a presidente Dilma Rousseff, acrescentando que “conversei com todas das pessoas que tinha que conversar para fazer a abertura democraticamente”. “Ninguém vai me intrigar com o presiodente Lula nem com a presidente Dilma.”, finalizou o peemedebista


Curtir: