Ceará

Polícia já tem suspeito de matar vereador de Jaguaretama

O vereador Marcos Rogério, conhecido como "Marcão", morreu após ser atingido por quatro tiros na Câmara de Jaguaretama.

A polícia de Jaguaretama, na região do Vale do Jaguaribe, já sabe quem disparou os tiros que matou o vereador Marcos Rogério (PRB), de 37 anos, conhecido como “Marcão” e feriou o vereador José Antônio (PMDB), 36, que continua internado no IJF em Fortaleza.

Os dois vereadores de Jaguaretama foram baleados no início da tarde de segunda-feira (19) no prédio da Câmara Muncipal.

Segundo o delegado Edmar Granja, que participou por telefone do Programa Barra Pesada, o crime não foi motivado por questões políticas e sim, pessoais. Além de vereador, Marcão também era empresário do ramo agropecuário.

Ainda segundo o delegado, o vereador José Antônio não era alvo dos atiradores mas acabou atingido pelos disparos enquanto conversava com a vítima. O delegado não revelou os nomes dos acusados, mas disse acreditar que existe mais de uma pessoa envolvida na ação.

Deficiência na segurança
De acordo com o delegado Edmar Granja, as investigações poderiam ser mais eficientes se o prédio da Câmara fosse equipado com câmeras de circuito interno de segurança. As imagens poderiam ajudar na identificação dos suspeitos do crime.

 Leia mais:
Vereadores são baleados na Câmara de Jaguaretama


Curtir: