Ceará Denúncia

Policias denunciam que não receberam reajuste no vale alimentação

Apesar de ter sido reajustado para R$ 10, policias ainda recebem vale alimentação de R$ 6,05 (Foto: Jangadeiro Online)

Em vigor desde janeiro deste ano, o reajuste no valor do vale-refeição, autorizado pelo governo do Ceará para beneficiar todos os servidores públicos do Estado, não contemplou, até agora, os policiais militares, incluindo os que integram o Ronda do Quarteirão e o Corpo de Bombeiros. Para quem já recebeu o reajuste, o valor atualmente está em R$ 10.

A medida afeta mais de 10 mil praças e soldados das duas corporações. Um policial do Ronda do Quarteirão, que preferiu não ser identificado, lamentou a situação, em entrevista à Jangadeiro FM, e disse considerar o fato como uma “falta de dignidade para com os policiais”. Ouça a declaração do policial

Ainda segundo o PM, o problema se agrava ainda mais, devido ao fato de alguns restaurantes e lanchonetes do Ceará não receberem o vale alimentação, que é fornecido pelo Governo do Estado. Ouça o que diz o PM

“Má vontade”
O presidente da Associação dos Praças da PM e do Corpo dos Bombeiros do Ceará, Pedro Queiroz, informou que o problema foi abordado no dia 23 de agosto durante reunião com o governador Cid Gomes (PSB), com a participação do Procurador Geral do Estado, Fernando Oliveira.

Na ocasião, o governador se comprometeu a conversar com o Secretario de Segurança Pública, Francisco Bezerra, para saber o motivo da exclusão dos policiais militares do benefício. Na avaliação de Queiroz, o aumento só não foi concedido aos mais de 10 mil praças e soldados simplesmente “por má vontade”. Ouça o que diz Pedro Queiroz

De acordo ainda com o representante da Associação dos PM’s, a discriminação causa desestímulo para a categoria. Veja o que diz o presidente da Associação

Direito de resposta
Nossa produção entrou em contato com a Procuradoria Geral do Estado (PGE), mas a assessoria de comunicação informou que o órgão não se pronuncia e sugeriu que procurássemos a Secretaria de Segurança (SSPDS). O órgão, por sua vez, pediu que procurássemos o Comando da Polícia Militar.

A assessoria do Comando da PM informou que o comandante estava em um encontro em Juazeiro do Norte, na região do Cariri cearense, e que, portanto, não poderia se pronunciar sobre o assunto nesta terça-feira (11).

Com reportagem de Alex Mineiro e Dina Sampaio da Jangadeiro FM


Curtir:


4 thoughts on “Policias denunciam que não receberam reajuste no vale alimentação

  1. Com certeza esse fato mostra o real tratamento que o estado da aos profissionais de segurança pública,descriminação, desrespeito o estado apenas cobra desses profissionais é não respeita nem o profissional e muito menos o ser humano ,pois não lhes paga o que merecem ,não lhes dão o direito de suas promoções,não lhes pagam adicional de perigulosidade,insalubridade ou seja o estado não respeita os profissionais de segurança principalmente a PM queria ver só 03 dias de greve da PM para sermos respeitados como devemos.

Comments are closed.