Ceará

Posse dos novos dirigentes do Poder Judiciário será nesta sexta-feira

Posse dos novos dirigentes do Poder Judiciário será nesta sexta-feira
Posse dos novos dirigentes do Poder Judiciário será nesta sexta-feira. Foto: TRE

A desembargadora Maria Iracema Martins do Vale assume, a partir desta sexta-feira (30/01), a Presidência do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) para o biênio 2015/2017.

A solenidade de posse será às 16h no Pleno do Tribunal. Às 15h, a desembargadora concederá entrevista coletiva no 2º andar do Palácio da Justiça, no Cambeba.

Eleição
A magistrada foi eleita por aclamação, durante sessão que também elegeu o desembargador Francisco de Assis Filgueira Mendes para a Vice-presidência e o desembargador Francisco Lincoln Araújo e Silva para a Corregedoria Geral da Justiça.

Convidados
A solenidade contará com a presença do governador do Ceará, Camilo Santana, da ministra do Supremo Tribunal Federal, Carmen Lúcia, e várias personalidades do cenário nacional e estadual.

Presidente
A desembargadora Iracema do Vale é a segunda mulher eleita presidente do TJCE. Durante a eleição dos novos dirigentes do Poder Judiciário, realizada em outubro do ano passado, a magistrada declarou que fará uma gestão baseada no diálogo. “Vou trabalhar de braços dados com a magistratura de 1º Grau, com os desembargadores e servidores desta Casa, pedindo a Deus que me ajude”, destacou.

Perfil
Iracema do Vale é desembargadora do TJCE desde 28 de outubro de 2005, pelo quinto constitucional, representando o Ministério Público estadual. Foi a primeira mulher eleita para a Presidência do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais, em 2014.

Formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Ceará (1974) e em Administração Pública pela Universidade Estadual do Ceará (1980). Ingressou no Ministério Público em junho de 1982 e, em 1987, pelo critério de merecimento, foi promovida para procuradora de Justiça, sendo eleita para o Conselho Superior do Ministério Público em 1988, 1999, 2003 e 2004. No TJCE, integrou a 1ª Câmara Cível (2005 a 2007); foi ouvidora-geral do Poder Judiciário (2007 a 2009) e, desde 2009, era presidente da 4ª Câmara Cível.

Com informações da Assessoria


Curtir: