Ceará
Atualizado em: 13/08/2011 - 2:02 pm

Prefeito Paulo César Evangelista (DEM). Foto: Iguatu.org

O prefeito Paulo César Evangelista (DEM) tomou posse como novo gestor do município de Nova Russas no início da noite de sexta-feira (12). Ele foi empossado pelo presidente da Câmara de Vereadores, vereador Carlos Sérgio de Brito (PT), que convocou a sessão extraordinária, após a cassação do mandato do ex-prefeito Marcos Alberto Torres Martins, ocorrida no último domingo (7).

Lideranças políticas da região e moradores do município prestigiaram a posse. Paulo César já estava, interinamente, à frente da gestão municipal desde o início de abril, quando o Tribunal de Justiça afastou Marcos Alberto e ele, que era vice-prefeito, assumiu o cargo.

“Agora assumo a gestão de forma definitiva e quero dar uma grande contribuição para a minha cidade. Já iniciei o restabelecimento do Município e darei continuidade”, prometeu.

Prisões
Na primeira quinzena de maio, o prefeito afastado foi preso em uma operação da Polícia Federal. Dias depois foi posto em liberdade. Já no dia 8 de junho as Câmaras Criminais Reunidas do Tribunal de Justiça do Ceará determinaram a prisão do prefeito de Nova Russas, Marcos Alberto Martins Torres, acusado por crimes de improbidade administrativa. Ele foi preso e encaminhado à Delegacia de Capturas.

Cassação
No dia 7 de agosto, vereadores da Câmara Municipal de Nova Russas votaram aprovaram a cassação do prefeito que já estava afastado da gestão, Marcos Alberto Martins Torres. Ele continua preso na Delegacia de Capturas, em Fortaleza, acusado dos crimes de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, fraude em licitações, entre outros.

Acompanhe também: Vídeo: Prefeito de Nova Russas é cassado pela Câmara Municipal

Acusações
Segundo denúncias encaminhadas pelo Ministério Público, existem indícios do envolvimento do gestor em um suposto esquema de fraudes em licitações e desvio de verbas públicas em processos de obras e serviços de engenharia, limpeza urbana e locação de veículos.

Além de atos de improbidade administrativa supostamente cometidos em parceria com empresas “laranjas”, o prefeito é acusado de desvios de mais de R$ 8 milhões do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para contas pessoais de sua mulher e de sua filha.

Leia mais:
Prefeito de Nova Russas é preso pela Polícia Federal
 
Tribunal de Justiça mantém decisão que afastou prefeito de Nova Russas
 
Câmara Municipal de Nova Russas abre processo de cassação contra prefeito afastado  

Prefeito afastado de Nova Russas é cassado pela Câmara Municipal  

Com informações do repórter Ricardo Lima e do Diário do Nordeste.

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me