Bastidores

PT evita expulsão e prorroga suspensão de prefeito afastado de Senador Pompeu

Prefeito afastado de Senador Pompeu, Antônio Teixeira de Oliveira

A executiva estadual do Partido dos Trabalhadores aqui no Ceará decidiu prorrogar por mais 30 dias a suspensão partidária aplicada ao prefeito afastado de Senador Pompeu, Antonio Teixeira.

A reunião da cúpula petista foi realizada na noite da segunda-feira (12). O prefeito segue preso no quartel do Corpo de Bombeiros, em Fortaleza, pelo suposto envolvimento com desvio de dinheiro público.

A suspensão de 60 dias, aplicada pela executiva estadual do PT ao prefeito afastado Antônio Teixeira, chegou ao fim no último domingo (11).  O estatuto da sigla permite a prorrogação de prazo solicitado pela Comissão de Ética. 

Leia mais
Caso Senador Pompeu: PT adota cautela e não fala em expulsão do prefeito foragido da justiça

Justiça bloqueia bens do prefeito de Senador Pompeu
Prefeito e vice de Senador Pompeu se entregam à Polícia
MP pede afastamento de prefeito de Senador Pompeu

Impeachment de prefeito de Senador Pompeu pode ser votado nesta terça

Antônio Teixeira foi suspenso do PT cearense no dia 13 de Julho, depois de ter sido preso e afastado, junto com o vice- prefeito e mais todos os membros da comissão de licitação, secretários de governo, tesoureiro, engenheiro e radialista assessor de imprensa.

Ele e o vice seguem presos, em Fortaleza, desde o dia 30 de junho. Os políticos são acusados de lavagem de dinheiro, desvio de verba pública e crime de peculato no município de Senador Pompeu. Segundo a denúncia, eles fazem parte de um esquema de corrupção que fraudava licitações de obras. No último dia 21 de junho o Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), expediu 31 mandatos.


Curtir: