Greve

Servidores do município decretam estado de greve e podem paralisar geral

Servidores do município em assembleia (Foto: Sindifort)

Servidores municipais de Fortaleza decretaram estado de greve na manhã desta quarta-feira (18), após assembleia geral realizada na Praça do Ferreira, no Centro da Capital cearense. Segundo o Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort), a próxima rodada de negociações com a Prefeitura ocorre na quinta-feira (26).

Após a reunião, uma nova assembleia geral será realizada no dia 9 de fevereiro, na Câmara dos Vereadores. A ideia, de acordo com o Sindifort, é que todos os servidores paralisem as atividades nesse dia, para que estejam presente na reunião. Caso a categoria não aceite as propostas da administração municipal, os servidores poderão decretar greve geral.

Reivindicações
Entre as reivindicações da categoria, estão a implantação e o pagamento de adicional de insalubridade, reajuste de 20% sob o vencimento básico, concursos públicos e fim da terceirização. Além disso, o servidores querem ainda o pagamento, para toda a categoria, do abono salarial dado aos professores em dezembro. Segundo o Sindifort, a Prefeitura oferece aumento de apenas 3.1%.

Leia mais:
Servidores do Detran não paralisam atividades, mas estado de greve continua
Agentes da AMC decretam estado de greve e podem paralisar as atividades
Servidores da Prefeitura de Fortaleza ameaçam paralisar atividades

Redação Jangadeiro Online, com informações do Sindifort