Greve

Sintro ameaça paralisar as atividades na festa de Réveillon

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Ceará (Sintro/CE) ameaça aderir à paralisação dos policiais militares. A paralisação pode acontecer na noite deste sábado (31). De acordo com o presidente do Sindicato, Domingos Neto, a categoria aguarda ofício informando se vai ter segurança para os motoristas e cobradores de ônibus durante a festa de Réveillon, em Fortaleza.

“Nós estamos muito preocupados com a segurança. Caso não tenha polícia trabalhando normalmente nas ruas, a direção do Sintro vai convocar a categoria para recolher os ônibus”, confessou.

Domingos Neto disse que haverá reunião às 18h desta sexta-feira (30) para decidir a posição da categoria.

Força Nacional de Segurança
O Governo do Ceará solicitou a presença de reforço da Força Nacional de Segurança para suprir o efetivo de policiais militares que deflagrou greve neste quinta-feira (29). Segundo o Ministério da Justiça, os primeiros homens que irão compor a força de segurança na festa de Réveillon, no Aterro da Praia de Iracema, já estão embarcando de Brasília-DF.

Guarda Municipal e AMC
Os guardas municipais e os agentes de trânsito aderiram, na noite desta quinta-feira (29), à paralisação dos policiais e bombeiros militares.

De acordo com o vice-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Fortaleza (Sindifort), Eriston Ferreira, os servidores não têm condições de trabalhar sem a presença de PMs. “Trabalhar em um réveillon que vai contar com a presença de mais de um milhão e meio de pessoas, sem o apoio da polícia, é um risco muito grande”, disse.

Leia mais:
Policiais e Bombeiros Militares decidem entrar em greve às vésperas do Réveillon
“Não vamos servir de bucha de canhão da prefeita”, diz sindicato dos Guardas Municipais
Governo lança nota sobre paralisação de PMs e Bombeiros do Ceará
PMs de Maracanaú e Pacatuba aderem à greve

Redação Jangadeiro Online, com informações do Presidente do Sintro


Curtir: