Eleições 2012

Tasso diz que não vai se candidatar em 2014 e que apoiará Aécio Neves

Tasso Jereissati votou em uma escola particular no bairro Varjota, em Fortaleza (Foto: Roberta Tavares)

O ex-governador Tasso Jereissati afirmou que não pretende se candidatar a nenhum cargo político nas próximas eleições de 2014. A declaração foi dada neste domingo (7), durante entrevista concedida em uma escola particular no bairro Varjota, em Fortaleza, onde o político votou juntamente com a esposa, Renata Jereissati.

O empresário afirmou que deve apoiar Aécio Neves, caso o político mineiro se candidate à Presidência da República. “Em 2014, se o Aécio for o nosso candidato a presidente da República, me empolgarei muito e me engajarei, porque acredito que vai ser uma candidatura de renovação não só de geração, mas de ideias no Brasil”, afirmou.

Popularidade de Lula não teve grande influência

Tasso avaliou que a aparente popularidade do ex-presidente Lula não teve grande influência nas participações que teve nas campanhas por todo o Brasil. “Com base nas pesquisas, não temos observado isso. Sem negar a sua popularidade, mas a possibilidade de transferência de votos não é mais a mesma”, opinou.

“Guerra de máquinas” em Fortaleza

Sobre a disputa em Fortaleza, o ex-governador afirmou que está havendo uma verdadeira “guerra de máquinas”. Tasso disse ainda que o tempo de propaganda eleitoral gratuita na televisão e no rádio também influenciou bastante na eleição. Durante entrevista, o tucano confirmou o voto no candidato Marcos Cals, do PSDB.

Colaborou Igor Gadelha


Curtir: