Bastidores

Temer fará exames médicos no Hospital Hospital Sírio-Libanês em São Paulo

Temer. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da República, Michel Temer, viaja nesta sexta-feira (24) para São Paulo onde fará, no Hospital Sírio-Libanês, uma revisão da cirurgia a que foi submetido, no último dia 27, na próstata. O procedimento foi necessário para desobstrução do canal uretal.

A expectativa é de que Temer também faça novos exames para avaliar a necessidade ou não de realização de um cateterismo. O motivo é uma obstrução parcial em uma artéria coronariana, que foi revelada no início de outubro — e confirmada, à época, por seus médicos.

Saúde
Em outubro, o presidente passou por um quadro de obstrução parcial de uma artéria coronária, mas não precisou ser submetido a um cateterismo. Temer tem 77 anos e é o mais velho presidente da história do país. O problema foi detectado em exame de imagem. Os médicos afirmam que a obstrução parcial de uma artéria coronária é relativamente comum. Em um grupo de 100 pessoas com mais de 65 anos, um total de 20 a 30 tem algum tipo de doença coronária, que atinge uma artéria do coração e pode levar a um ataque cardíaco.

Agenda
O único compromisso oficial registrado na agenda do presidente nesta sexta-feira (24) é uma reunião com o ministro das Relações Exteriores do México, Luis Videgaray, pela manhã. O peemedebista pretende retornar a Brasília apenas no final de semana, onde deve se reunir com ministro e parlamentares para articular a votação da reforma previdenciária, no início de dezembro.

Com informações da Abr e da Folha


Curtir: