Fortaleza

Vereadores da base aliada voltam a criticar falta de diálogo com Roberto Cláudio

Vereadores da base aliada voltam a criticar falta de diálogo com Roberto Cláudio. Foto: Kézya Diniz
Vereadores da base aliada voltam a criticar falta de diálogo com Roberto Cláudio. Foto: Kézya Diniz

Aliados do prefeito Roberto Cláudio na Câmara Municipal de Fortaleza reagiram ao que avaliam como “pouca atenção” da Prefeitura em relação às demandas dos parlamentares. Os vereadores afirmam que estão encontrando dificuldade de conversar com alguns secretários e até mesmo com assessores da administração.

A falta de abertura para o diálogo estaria, segundo a reclamação dos vereadores, impedindo a reivindicação de pleitos demandados em seus redutos políticos.

“Mãos atadas”
O  vereador Zier Férrer (PMN) diz que tem recebido diversas demandas como, por exemplo, para a solicitação de obras de escoamento sanitário nas comunidades de baixa renda. Mas o vereador afirma que tem encontrado dificuldade de dialogar com o secretariado municipal. “Eu apoio o Governo do Prefeito Roberto Cláudio, mas precisamos da consideração e atenção dos secretários. É muita dificuldade que a gente tem”, disse para em seguida ressaltar que está de “mãos atadas”, já que sempre se deparada com as “portas fechadas” nas secretarias.

Descaso
Quem também cobra atenção é o vereador Vaidon Oliveira (PSDC). Ele diz que espera, há alguns meses, a assinatura da ordem de serviço para obras no Serviluz, mas ressalta que até agora, pouco avançou. Para ele, a Prefeitura de Fortaleza trata a região com “descaso”. 

Insatisfação
Vale lembrar que, desde o início da gestão, Roberto Cláudio é questionado sobre esse tipo de reclamação por parte da sua base aliada. Apesar de negar a falta de diálogo, essa não é a primeira vez que aliados demonstram insatisfação com a gestão municipal.

Alguns parlamentares já ameaçam dar mais trabalho a Roberto Cláudio, votando contra matérias de interesse da Prefeitura de Fortaleza.


Curtir: