Vídeos

Vídeo: Exoneração de diretor administrativo do Dnocs pode ter motivação política

Um relatório da Controladoria Geral da União detectou desvios que chegam a 312 milhões no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs). O órgão é vinculado ao Ministério da Integração Nacional, que é comandado pelo PSB.

O escândalo coincidiu com o afastamento de um diretor no Ceará, indicado pelo PMDB. A disputa entre os dois partidos pode ter motivado a exoneração.

Acompanhe a reportagem: